Sou Engenheiro Eletricista, e ultimamente tenho visto muita demanda e muita gente perguntando sobre os sistemas fotovoltaicos residenciais. Geralmente o perfil de clientes que estão consumindo na faixa dos 200 kWh a 800 kWh/mês, querem reduzir suas contas de luz e sempre me perguntam sobre essa fonte de energia. Se você se encaixa nesse quadro, esse artigo foi feito para você.


A NBR 5410:2004 torna os dispositivos contra proteção diferencial-residual uma obrigatoriedade na instalação elétrica. A Lei Federal 11.337, de 26 de JULHO DE 2006, também torna o DPS obrigatório na instalação elétrica residencial para novas edificações. Em teoria, é isso.

Na prática, o que mais encontramos ainda é o velho "fase e neutro". Nem condutor de terra, aquele verdinho, as edificações tem (em muitos casos nem diferenciação de cores existe). Esse sistema de aterramento é conhecido tecnicamente como o famoso TN-C.

Dando continuidade sobre a série do Librecad, vamos ver que criar uma planta baixa é bem simples no Librecad. O que , num primeiro momento se pode estranhar, é a forma com que se trabalha no programa, já que é um pouco diferente do Autocad. O Autocad é mais visual (pelo menos a versão 2014/2015 que é a que eu já usei), o Librecad é mais linha de comando mesmo. Sem contar que o Librecad é leve e é livre. Essa é sempre a principal vantagem. Já precisei rascunhar uma planta baixa e pelo fato de estar com a internet ruim ou pelo fato de estar com um computador sem uma placa de vídeo boa, já fiquei sem fazer o meu rascunho (um simples rascunho no Autocad).

Enfim, para continuar neste artigo , você precisará ter em mente o conceito de coordenada absoluta e coordenada relativa que expliquei antes neste post ou, se quiser, pode conferir este vídeo que eu gravei e está no youtube: